dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     19/08/2019            
 
 
    

 

Tendo-se em vista a grande influência das condições ambientais sob o estresse térmico dos animais, é muito importante que se atente para fatores como, a região onde as instalações zootécnicas serão construídas, a correta orientação das mesmas, o pé-direito, o tipo de telha que será utilizado na cobertura e ainda o tipo de sistema de condicionamento térmico a ser utilizado, quando for o caso.
Sabe-se que o Brasil, devido suas dimensões continentais, possui uma grande variabilidade de condições ambientais, existindo desde regiões muito secas e quentes até locais úmidos e frios. Sendo assim, é de extrema importância um bom planejamento e um conhecimento mínimo das condições climáticas particulares de cada região antes de começar a construir instalações para abrigar os animais. Isso evitará gastos futuros com a readequação ou reforma da estrutura original da construção, ou ainda com a aquisição de sistemas de climatização, implantados com o objetivo de corrigir problemas de projetos que não levaram em consideração tais fatores ambientais no momento certo.

Portanto recomenda-se que antes de se executar a construção de instalações para animais de produção em uma determinada região, a empresa responsável pela realização do projeto, ou mesmo o próprio produtor, faça um levantamento de algumas variáveis ambientais do local em questão, tais como: temperatura mínima, média e máxima mensal, umidade média mensal, radiação solar média, velocidade e direção dos ventos e ainda a média da precipitação mensal.

Juntamente com estes fatores, deverão ser considerados também se existem barreiras naturais, tais como, árvores (barreira de eucalipto, por exemplo), lavouras (barreira criada por uma lavoura de cana), que poderão atrapalhar o fluxo normal dos ventos até o local dos galpões. Regiões com relevo muito acidentado também deverão receber atenção especial, pois se as instalações forem construídas em “baixadas” isso poderá resultar em uma menor circulação do ar e em temperaturas mais frias durante a estação de inverno.

Em função das particularidades ambientais de cada região e de seus respectivos efeitos na produção animal, é que se faz necessário o estudo da ambiência no interior das instalações. Isso é possível através da realização do chamado “Monitoramento Ambiental” que deverá ser realizado tanto na parte interna (microclima) quanto na parte externa da instalação (macroclima). Este monitoramento por sua vez, tem como ponto fundamental e principal a instalação de equipamentos (sensores) ao longo de todo o galpão de criação dos animais, com o objetivo de coletar informações ambientais ao longo do tempo, para que, posteriormente possam ser analisadas e utilizadas para uma tomada de decisão.

Nas próximas colunas serão abordados mais detalhes sobre como se proceder com o Monitoramento Ambiental das instalações animais, bem como quais as principais variáveis ambientais a serem medidas, como medir, quais os sensores e aparelhos mais indicados para essa finalidade e como instalá-los de forma correta. 
 

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Construções Rurais e Ambiência - Artigos já Publicados

Importância da ambiência na mecanização agrícola
26/04/2016

Operações pré-abate na piscicultura
20/08/2013

A qualidade do ar nas instalações zootécnicas
02/08/2013

O que é Ambiência Agrícola?
22/07/2013

A importância das variáveis fisiológicas no monitoramento do bem-estar animal
02/05/2013

Termografia como ferramenta de monitoramento do bem-estar animal
21/02/2013

Ambiência e bem-estar no pré-abate de suínos
19/07/2012

Sistemas agrossilvipastoris e o bem-estar de ovinos
30/05/2012

Ambiência e bem-estar animal na equideocultura
17/04/2012

A Avicultura e a Ambiência na Região Nordeste do Brasil
05/03/2012

A importância do bem-estar no pré-abate de ovinos e caprinos
04/01/2012

Importância da ambiência no transporte de alevinos de tilápia
03/08/2011

A importância do comportamento animal na ambiência
01/06/2011

Ambiência e instalações zootécnicas
22/12/2010

Conteúdos Relacionados à: Clima
Palavras-chave

 
11/03/2019
Expodireto Cotrijal 2019
Não-Me-Toque - RS
08/04/2019
Tecnoshow Comigo 2019
Rio Verde - GO
09/04/2019
Simpósio Nacional da Agricultura Digital
Piracicaba - SP
29/04/2019
Agrishow 2019
Ribeirão Preto - SP
14/05/2019
AgroBrasília - Feira Internacional dos Cerrados
Brasília - DF
15/05/2019
Expocafé 2019
Três Pontas - MG
16/07/2019
Minas Láctea 2019
Juiz de Fora


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada