dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     23/07/2017            
 
 
    
Safra  
Produção de grãos deve registrar recorde de 215 milhões de toneladas
O aumento esperado de 15,3% se deve a maior produtividade e melhor expectativa em relação ao clima
Comente esta notícia Envie a um amigo Aponte Erros Imprimir  
Mapa
11/01/2017

A estimativa de produção de grãos para a safra 2016/17 é de 215,3 milhões de toneladas, com aumento de 15,3% ou de 28,6 milhões de toneladas em relação a safra anterior de 186,7 milhões toneladas. Os dados são do 4º Levantamento feito pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que foi divulgado nesta terça-feira (10).

O resultado positivo se deve à produtividade média das culturas, em recuperação da influência negativa das condições climáticas da safra passada. A área total também tem previsão de ampliação em 1,3% ou de 745,6 mil hectares, quando comparada à safra anterior, podendo chegar, no total, a 59,1 milhões de hectares.

Para a soja, a projeção é de crescimento de 8,7% na produção, podendo atingir 103,8 milhões de toneladas, com aumento de 8,3 milhões de toneladas. A área é 1,6.% maior. O milho de primeira safra deverá alcançar 28,4 milhões de toneladas, com aumento de 9,9% ou de 2,5 milhões de toneladas frente à safra 2015/16 com ampliação de 3,2 % na área.

O feijão primeira safra deve obter 1,3 milhão de toneladas, resultado 25,7% superior à safra passada, enquanto para o arroz a previsão é de 11,6 milhões de toneladas e aumento de 9,7%. Já o algodão pluma deve crescer 10,1% e chegar a 1,42 milhão de tonelada, apesar da redução de 5,2% na área cultivada. Algodão e arroz tiveram redução de área, devido a substituição pelo cultivo de soja, o que não ocorreu com as demais culturas de primeira safra.

Final da safra de inverno 2016
A produção de trigo cresceu 21,5% acima dos números de 2015 e alcançou 6,7 milhões de toneladas. A cevada teve crescimento de 42,5% na produção, que será de 374,8 mil toneladas graças à recuperação da produtividade. Também a canola e o triticale apresentaram aumento de área e de produtividade. A canola produziu 71,9 mil toneladas e o triticale, 68,1 mil toneladas.

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Conteúdos Relacionados à: Notícia
Palavras-chave

 
25/07/2017
IV Encontro Regional de Plantio Direto na Palha
Chapecó - SC
29/08/2017
11º Congresso Brasileiro do Algodão
Maceió - AL


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada