dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     30/03/2017            
 
 
    
Fruticultura    
Dia de campo mostra efeito da adoção de medidas integradas para o controle de cancro cítrico
Evento será realizado em 15 e 16 de março no Paraná
Comente esta notícia Envie a um amigo Aponte Erros Imprimir  
Fundecitrus
23/02/2017

O Fundecitrus, em parceria com o Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) e a Cocamar, realiza, em 15 e 16 de março, o 3º Dia de Campo sobre o controle de cancro cítrico, nos municípios de Xambrê e Guairaçá, no Paraná. No evento serão apresentados como o manejo integrado com a instalação de quebra-vento, aplicação de cobre, controle do minador e escolha de variedades podem contribuir para minimizar os efeitos da doença.

O dia de campo é destinado a citricultores, agrônomos e técnicos que atuam na citricultura. As visitas começam na quarta-feira pelo campo experimental onde são avaliadas as medidas de prevenção e manejo, que fica na Estação Experimental do Iapar, em Xambrê. Os participantes poderão conferir a incidência da doença em plantas tratadas com oito combinações das medidas de manejo que envolvem quebra-vento, aplicação de cobre e controle do minador dos citros.

No dia seguinte, a visita será no experimento que testa a capacidade de resistência de 76 variedades, a maioria laranjas, ao cancro cítrico, na Unidade de Desenvolvimento Tecnológico (UDT) da Cocamar, em Guairaçá.

O experimento de Xambrê foi instalado em 2010, e o de Guairaçá em 2012. A primeira tentativa de iniciar as pesquisas para avaliar o efeito das medidas de manejo integrado começou em 2003, em Ilha Solteira/SP, mas não foi possível dar continuidade devido à obrigatoriedade de erradicar as plantas com cancro cítrico no Estado de São Paulo. O experimento então foi direcionado para o Paraná, onde a doença é endêmica.

“Essa é a última oportunidade dos citricultores visitarem o experimento e conhecerem de perto o efeito das medidas, pois este ano será finalizado. Também é um momento de tirar dúvidas em relação ao manejo da doença, que passa a ser permitido no Estado de São Paulo a partir de março”, diz o pesquisador do Fundecitrus Franklin Behlau, responsável pela pesquisa.

As inscrições são gratuitas e vão até 13 de março e devem ser feitas no site do Fundecitrus (www.fundecitrus.com.br).

Programação
15 de março

Local: Estação Experimental do IAPAR - Estrada Santa Fé, km 10 - Xambrê
 Visita ao experimento sobre efeito de no combate ao cancro cítrico e apresentação de resultados dos tratamentos de aplicação de cobre, controle do minador dos citros e instalação de quebra-ventos.

16 de março
Local: Unidade de Desenvolvimento Tecnológico da Cocamar – Guaraiçá
Visita ao experimento de variedades de laranja para observação de resistência ao cancro cítrico.
Inscrições: http://www.fundecitrus.com.br/cursos/inscricao

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Conteúdos Relacionados à: Notícia
Palavras-chave

 
06/04/2017
IV Encontro Nacional da Soja
Londrina - PR
18/04/2017
IV Congresso Brasileiro de Bioética e Bem-estar Animal
Porto Alegre - RS
01/05/2017
Agrishow 2017
Ribeirão Preto - SP
29/08/2017
11º Congresso Brasileiro do Algodão
Maceió - AL


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada