dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     22/09/2018            
 
 
    
Genética  
Aprosoja começa coletas para pesquisa da qualidade de sementes de soja em MT
Projeto Semente Forte visa avaliar, em laboratório, se as sementes apresentarão problemas durante a safra 2018/2019
Comente esta notícia Envie a um amigo Aponte Erros Imprimir  
Aprosoja
12/09/2018

Os classificadores de grãos contratados pela Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) já estão em campo para coletar sementes de soja para a safra 2018/2019. A iniciativa faz parte do projeto da associação chamado Semente Forte.
 
No total, são seis profissionais homologados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) que fazem a coleta em todas as regiões produtoras do Estado. Para ter validade e respaldo jurídico, caso necessário, as sementes devem ser recolhidas pelos profissionais no máximo em 10 dias, contados da chegada na fazenda, e seguir os parâmetros estabelecidos na legislação para acondicionamento de sementes, na fazenda.
 
Após a coleta, que deve seguir o padrão do Mapa, o material é remetido para o laboratório. A Aprosoja espera obter 500 amostras de sementes.
 
O objetivo do projeto é verificar, por meio de análise laboratorial, não apenas a qualidade intrínseca da semente, mas principalmente como as mesmas têm chegado até às propriedades rurais. “Nossa meta é entender se existem perdas durante o transporte da sementeira até o armazém do produtor ou em qual momento estas sementes podem estar perdendo qualidade”, explica o gerente de Defesa Agrícola da Aprosoja, Daniel Pasculli.
 
Com a pesquisa finalizada e de posse dos resultados, a ideia é elaborar material de orientação aos produtores rurais. “Outro objetivo é: orientar sobre armazenamento de semente na fazenda e como fazer para que sejam minimizadas as perdas, que refletem em produtividade e em economia”, completa Pasculli.

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Conteúdos Relacionados à: Notícia
Palavras-chave

 
18/09/2018
IV Dia de Campo Integração Lavoura-Pecuária-Floresta
Passo Fundo - RS
09/10/2018
EsalqShow 2018
Piracicaba - SP
06/11/2018
V Congresso Brasileiro de Recursos Genéticos
Fortaleza - CE


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada