dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     21/08/2019            
 
 
    

Com o ambiente climático alterado, por conta do aquecimento global, o tempo não se comporta mais com a estabilidade que se espera para uma produção segura. As estações do ano mudaram e os fenômenos da natureza têm se intensificado. Em 2001, por exemplo, tivemos secas severas na Região Sudeste, obrigando a economia de água e energia elétrica. Em 2007 foi a vez da Amazônia, onde vimos seus rios e aguapés secarem. E recentemente, ainda em 2008, tivemos uma série de inundações e deslizamentos em Santa Catarina, como resultado de um fenômeno atmosférico jamais visto antes.

Por estes motivos, o uso da meteorologia tornou-se essencial também para que a “máquina” do setor sucroenergético se mantenha viável. Os dados meteorológicos permitem o planejamento da cultura, mesmo em períodos instáveis, oferecendo informações que permitem quantificar e reduzir perdas. No plantio, saber o regime das águas facilita a rebrota da cana. Conhecer a temperatura do dia e da noite e a periodicidade da radiação solar também ajudam na produção, pois interferem diretamente na capacidade da planta em acumular sacarose, matéria-prima para o álcool, e no ciclo da planta, aumentando a lucratividade final. Outro parâmetro relevante é conhecer as condições do vento. É possível saber quando e quanto aplicar de defensivos químicos na cultura canavieira com o auxílio de dados sobre a velocidade e a direção dos ventos, economizando insumos. No solo, informações sobre umidade, associados à textura e fertilidade, contribuem para adequar a plantação. Durante uma chuva, o solo argiloso retém as gotas de água por mais tempo, favorecendo a formação de lama, que sob o trânsito de máquinas agrícolas compacta o solo, grande inimigo da agricultura, porém ela é muito mais fértil e a água é armazenada de modo seguro. O solo arenoso, por sua vez, é mais fácil de trabalhar, mas não possui as propriedades de absorção de nutrientes e água, o que gera riscos de queda de produção em veranicos e os nutrientes devem ser aplicados com maior periodicidade. Conhecendo a umidade do solo é possível adaptar estas situações da melhor forma possível.

"dados meteorológicos
oferecem informações
que permitem
reduzir as perdas"

 Mauro Banderalli

Por isso, a implantação de estações meteorológicas permite um melhor planejamento do cultivo, por acompanhar essas variações do clima e, consequentemente, otimizar o manejo da cultura. Com estes equipamentos é possível a obtenção e a formação de um banco de dados com informações sobre precipitação, direção e velocidade do vento, umidade do solo, entre outros, diariamente. Este monitoramento assegura resultados eficientes para os cuidados com a cultura, além de possuir sistemas de alerta sobre vulnerabilidade a doenças e eventos climáticos extremos, como temporais, geadas, seca e veranicos. A estação meteorológica trabalha no sentido de manter estes históricos do tempo e evitar os efeitos negativos das mudanças no clima e da ocorrência de seus fenômenos. É preciso lembrar sempre que a agricultura é um grande jogo de azar, onde a sorte, chamada clima, muitas vezes joga contra. Cabe ao agricultor compreender esse jogo, tão presente nesta atividade (uma das de maior dependência da meteorologia), e aplicar em seu processo produtivo o conhecimento dos dados meteorológicos para uma produção mais rentável e segura.

Até o momento, a produção de energia elétrica e a geração de combustíveis a partir da cana-de-açúcar têm impressionado países vizinhos e atravessado continentes. O álcool e seus subprodutos estão sendo apontados pelos especialistas, como uma chave que desbloqueará os entraves da geração de energia e combustíveis, se não no mundo todo, ao menos no Brasil e em alguns outros países. Poucos recordam da desconfiança internacional, de quando o País deu início a um programa nacional que visava substituir os derivados do petróleo por álcool combustível, em razão da crise de 1973. Atualmente, o álcool é vital para o País, por gerar cerca de 3% da energia elétrica e se equiparar ao consumo da gasolina. Grupos internacionais cada vez maiores investem em nossas usinas e estruturam-se para o controle dessa energia no mundo.

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Ferramentas Gerenciais - Artigos já Publicados

Sangha Investments
Serviços ecossistêmicos: oportunidades reais para o campo
22/11/2011

Prodap
Gestão familiar no agronegócio
03/11/2011

Sangha Investments
Programa ABC: maior inovação e competitividade no campo
25/10/2011

Prodap
A importância da capacitação da mão de obra como diferencial
13/10/2011

Sangha Investments
Pecuária Sustentável
27/09/2011

Prodap
A gestão e o agronegócio no Brasil
08/09/2011

I9 Campo
Importância do planejamento
23/08/2011

I9 Campo
Controles internos
07/07/2011

Ag Solve
Água: símbolo de vida e de morte
29/03/2011

Ag Solve
A importância da detecção e alerta de descargas atmosféricas
03/02/2011

I9Campo
Equilíbrio solo-planta: uma visão da I9Campo
24/01/2011

AG Solve
Você sabe o que é hidrologia florestal?
29/12/2010

I9Campo
Inovações tecnológicas e eficiência do processo produtivo
02/12/2010

Ag Solve
Usinas e agroindústrias precisam de monitoramento meteorológico constante
30/11/2010

Ag Solve
Raios: uso de tecnologia evita mortes e prejuízos
22/10/2010

AG Solve
Como irrigar corretamente a plantação?
27/08/2010

AG Solve
Estação meteorológica reduz risco da prática da queimada na agricultura
17/08/2010

AG Solve
Tecnologia diminui desperdício de água na produção
09/06/2010

AG Solve
Cultura monitorada proporciona maior garantia de lucro
13/05/2010

AG Solve
A agricultura inteligente
22/03/2010

AG Solve
A importância do monitoramento da umidade do solo na agricultura
02/02/2010

AG Solve
Como evitar que as mudanças climáticas reduzam o lucro dos agricultores?
18/12/2009

Conteúdos Relacionados à: Agroenergia
Palavras-chave

 
11/03/2019
Expodireto Cotrijal 2019
Não-Me-Toque - RS
08/04/2019
Tecnoshow Comigo 2019
Rio Verde - GO
09/04/2019
Simpósio Nacional da Agricultura Digital
Piracicaba - SP
29/04/2019
Agrishow 2019
Ribeirão Preto - SP
14/05/2019
AgroBrasília - Feira Internacional dos Cerrados
Brasília - DF
15/05/2019
Expocafé 2019
Três Pontas - MG
16/07/2019
Minas Láctea 2019
Juiz de Fora


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada