dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     06/08/2020            
 
 
    

Este texto é um breve resumo da tese de doutorado defendida recentemente pelo autor no Programa de Engenharia de Produção da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ/COPPE), na qual analisou os mercados de produtos coloniais do Oeste Catarinense, região na qual se originaram os maiores grupos agroindustriais de carnes de aves e suínos do Brasil. Por produtos coloniais entende-se um conjunto de produtos tradicionalmente processados no estabelecimento agrícola pelos agricultores de origem italiana e alemã - os “colonos” - para o autoconsumo familiar, tais como salames, queijos, doces e geléias, conservas de hortaliças, massas, biscoitos e açúcar mascavo, dentre outros. Embora muitos destes produtos tradicionalmente já fossem vendidos no mercado informal, sobretudo pelos agricultores mais pobres, a partir do final da década de 1990, perante uma situação de crise nas atividades tradicionais, especialmente pela exclusão na suinocultura, agricultores organizados em grupos, ou mesmo individualmente, passaram a construir suas “agroindústrias familiares rurais” para produzir e vender estes produtos no mercado formal. 

O autor analisou também questões legais, sociais, organizacionais e tecnológicas que envolvem o processo de produção e de comercialização destes produtos de qualidade diferenciada. Para tal, realizou-se extensa pesquisa de campo, com entrevistas na França e no Brasil, possibilitando comparações. Na França o autor entrevistou agricultores do Vale do Loire, produtores de alimentos de qualidade diferenciada (produits fermier) e, em Paris, feirantes de produtos orgânicos, estabelecendo comparações com a realidade do Oeste Catarinense, região enfocada no estudo, na qual foram entrevistados agricultores e demais atores do setor agroalimentar, como técnicos, líderes sindicais, dirigentes de cooperativas e de ONGs e diretores de indústrias agroalimentares de médio porte. Para analisar as possibilidades dos produtos coloniais acessarem mercados fora da Região, sobretudo junto à alta gastronomia, o autor entrevistou chefs de cozinha em grandes centros do Brasil.

Dentre as principais conclusões, as análises da pesquisa apontaram para o surgimento no Oeste Catarinense de mercados de produtos diferenciados que se constroem em torno da imagem positiva dos produtos coloniais. Assim, a Região, além de abrigar importante parque agroindustrial de suínos e aves, começa também a presenciar a emergência de uma economia de produtos de qualidade diferenciada.

Entretanto, os mercados de produtos coloniais têm-se caracterizado como mercados de proximidade. Porém, a pesquisa mostrou que esses produtos começam a percorrer caminhos extra-regionais, em pequenas quantidades, por se tratar ainda, majoritariamente, de mercado informal, seguindo, em termos geográficos, por duas vias principais: uma delas, pela rota migratória seguida pelos colonos, para o Mato Grosso do Sul, para o Mato Grosso e para estados do Norte e Nordeste (sudoeste da Bahia) ou então para o Rio Grande do Sul. A outra segue em direção aos grandes centros consumidores do País, sendo a comercialização efetuada, sobretudo, em restaurantes e churrascarias de propriedade de pessoas da Região. A pesquisa apontou também para a perspectiva de acesso a mercados de alto valor agregado, como a alta gastronomia, via chefs de cozinha desejosos de associar a imagem de seus restaurantes aos produtos artesanais.

Os produtos coloniais contribuem assim para construir uma nova imagem do Oeste Catarinense não mais apenas como fornecedor de alimentos de consumo de massa – derivados de suínos, aves e leite produzidos por grandes agroindústrias - mas também oferecendo produtos de qualidade diferenciada e de alto valor agregado, o que pode dinamizar outros setores econômicos, especialmente o de serviços como o turismo rural.

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Clóvis Rossetto
05/12/2010 - 14:33
boa notÝcia, sem d·vida nossa regiÒo tem potencial muito grande nesse segmento, Ú preciso porÚm melhorar a estrutura organizacional dos nossos produtores,talvez essa idÚia que vem surgindo da criaþÒo de uma cooperativa central das pequenas cooperativas seja um passo importante neste sentido.

Bruno Jacobson da Silva
18/09/2013 - 16:36
Este trabalho está disponível na internet, se não tiver, onde posso conseguir?

Para comentar
esta matéria
clique aqui
2 comentários

Agricultura Familiar - Artigos já Publicados

O uso dos dejetos de suínos como fertilizante
29/04/2013

Momento de reorganizar metas no agronegócio do leite
08/02/2012

A piscicultura nas propriedades familiares de Santa Catarina
20/07/2011

Erosão do solo: exemplo no campo e catástrofes nas cidades - Parte II
06/05/2011

Erosão do solo: exemplo no campo e catástrofes nas cidades - Parte I
04/03/2011

Modelo matemático para avaliar impactos do uso e ocupação do solo nos recursos hídricos em santa catarina
20/12/2010

Integração Lavoura-Pecuária: oportunidade ou novos problemas velhos?
11/11/2010

Controle Biológico Aplicado: alternativa para reduzir danos de lagartas no milho
17/09/2010

Variedade de milho para agricultura familiar
05/08/2010

Kit semeadura de adubos verdes: distribuidor de sementes de adubos verdes acoplado à colhedora de milho
01/07/2010

A Agricultura Familiar precisa dos jovens
12/03/2010

Importância da Agricultura Familiar II
26/02/2010

Importância da Agricultura Familiar I
09/01/2010

Conteúdos Relacionados à: Agricultura Familiar
Palavras-chave

 
11/03/2019
Expodireto Cotrijal 2019
Não-Me-Toque - RS
08/04/2019
Tecnoshow Comigo 2019
Rio Verde - GO
09/04/2019
Simpósio Nacional da Agricultura Digital
Piracicaba - SP
29/04/2019
Agrishow 2019
Ribeirão Preto - SP
14/05/2019
AgroBrasília - Feira Internacional dos Cerrados
Brasília - DF
15/05/2019
Expocafé 2019
Três Pontas - MG
16/07/2019
Minas Láctea 2019
Juiz de Fora


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada