dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     25/07/2017            
 
 
    

 

Muitas vezes por conta do desconhecimento de administradores de empresas, clubes e fazendas, não há investimento em monitoramento para a detecção e prevenção contra os raios. Situação que é bastante preocupante, já que cada vez mais aumentam os danos causados pela incidência de descargas atmosféricas no país.

Segundo dados divulgados em 2008, pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), os prejuízos giram em torno de R$ 1 bilhão anuais, sendo R$ 600 milhões só no setor elétrico. Cerca de 50 milhões de raios caem anualmente no Brasil, e em média, cem pessoas morrem por ano, após serem atingidas por raios.

Já existem no país equipamentos que antecipam a ocorrência de raios e ajudam na prevenção. O Storm Tracker, por exemplo, é um deles. Ele mostra informações sobre os raios que caem dentro de uma área de 1 quilômetro. Composto por uma antena, o equipamento pode ser instalado em uma torre ou telhado. Os dados são enviados para uma placa de captura em um computador com o software do equipamento instalado, que aponta em um mapa onde ocorreram os raios.

Outro equipamento é o LD-250, que além de estimar a distância do sinal de força recebido, anuncia tanto uma descarga atmosférica próxima, quanto uma severa. Se uma descarga é detectada próxima ou excede o limite presente, o som do alarme interno recebe a informação e ativa o alarme dos computadores em um arquivo de notificação.

Já o EFM-100, faz o monitoramento num raio de 40 quilômetros. Quando o campo eletromagnético é modificado por uma descarga elétrica, o aparelho capta e manda os dados para o computador, registrando que haverá incidência de raios na região monitorada, determinando que o local está perigoso e com probabilidade de tempestade.

O aquecimento global é o principal responsável pelo aumento do número de raios em diferentes países, tanto do hemisfério Norte quanto do Sul. Segundo informações divulgadas pela Agência Espacial Norte-Americana (NASA), em um modelo climático, onde foi aplicada uma atmosfera com o dobro da concentração de dióxido de carbono (CO2) com aumento superficial de temperatura de 3°C, houve uma intensificação das correntes ascendentes em tempestades, com aumento na altitude onde os raios se formam e intensificação das tempestades, sejam de raios ou tornados. O modelo também sugeriu um possível aumento das queimadas produzidas por raios.

Informação que reafirma a necessidade do uso de tecnologias para um monitoramento constante, como prevenção contra os prejuízos e mortes que os raios podem causar.

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Luciane Silva-Pacajá/Pa
14/06/2012 - 17:20
Os raios já existiam quando nós serem humanos chegamos, e infelizmente, temos ocasionado transtorno para a natureza, como por exemplo, o aumento considerável de emissão de gases poluentes para o meio, e isso tem nos afetado muito. Fazemos parte da natureza, mas somos os piores inimigos dela.

Para comentar
esta matéria
clique aqui
1 comentário

Ferramentas Gerenciais - Artigos já Publicados

Sangha Investments
Serviços ecossistêmicos: oportunidades reais para o campo
22/11/2011

Prodap
Gestão familiar no agronegócio
03/11/2011

Sangha Investments
Programa ABC: maior inovação e competitividade no campo
25/10/2011

Prodap
A importância da capacitação da mão de obra como diferencial
13/10/2011

Sangha Investments
Pecuária Sustentável
27/09/2011

Prodap
A gestão e o agronegócio no Brasil
08/09/2011

I9 Campo
Importância do planejamento
23/08/2011

I9 Campo
Controles internos
07/07/2011

Ag Solve
Água: símbolo de vida e de morte
29/03/2011

Ag Solve
A importância da detecção e alerta de descargas atmosféricas
03/02/2011

I9Campo
Equilíbrio solo-planta: uma visão da I9Campo
24/01/2011

AG Solve
Você sabe o que é hidrologia florestal?
29/12/2010

I9Campo
Inovações tecnológicas e eficiência do processo produtivo
02/12/2010

Ag Solve
Usinas e agroindústrias precisam de monitoramento meteorológico constante
30/11/2010

AG Solve
Como irrigar corretamente a plantação?
27/08/2010

AG Solve
Estação meteorológica reduz risco da prática da queimada na agricultura
17/08/2010

AG Solve
Tecnologia diminui desperdício de água na produção
09/06/2010

AG Solve
Cultura monitorada proporciona maior garantia de lucro
13/05/2010

AG Solve
A agricultura inteligente
22/03/2010

AG Solve
A importância do monitoramento da umidade do solo na agricultura
02/02/2010

AG Solve
Como evitar que as mudanças climáticas reduzam o lucro dos agricultores?
18/12/2009

AG Solve
A importância da meteorologia para produção de Bioenergia
23/10/2009

Conteúdos Relacionados à: Manejo
Palavras-chave

 
25/07/2017
IV Encontro Regional de Plantio Direto na Palha
Chapecó - SC
29/08/2017
11º Congresso Brasileiro do Algodão
Maceió - AL


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada