dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     15/08/2020            
 
 
    
Tecnologia  
Embrapa apresenta soluções tecnológicas para o Estado de Goiás
Comente esta notícia Envie a um amigo Aponte Erros Imprimir  
Rodrigo Peixoto, Embrapa Arroz e Feijão
20/03/2015

Produtores, técnicos, estudantes e profissionais de instituições parceiras são esperados no próximo dia 26 de março, a partir das 08h, na sede da Embrapa Arroz e Feijão, em Santo Antônio de Goiás, para participar da exposição de tecnologias para o Estado. O evento, que será realizado pela primeira vez em território goiano, trará alguns dos principais produtos da Embrapa para as culturas do algodão, arroz, feijão, soja e sorgo, além de forrageiras e da integração lavoura e pecuária.

Durante a exposição de tecnologias, os pesquisadores e analistas abordarão questões relacionadas à introdução de plantas de cobertura do solo na cotonicultura. O manejo das espécies a serem mostradas no evento auxilia o controle de nematoides, do mofo branco e do percevejo castanho, além de proteger o solo da erosão e ajudar no combate às plantas daninhas.

Em relação à cultura do arroz, pesquisadores irão mostrar a BRS Esmeralda. Trata-se de uma cultivar de arroz de terras altas que se destaca pela alta produtividade, potencial de até 7.525 quilos por hectare, e qualidade de grãos superior. Possui ampla adaptação e estabilidade de cultivo nas principais regiões produtoras do Brasil, apresentando maior tolerância aos veranicos, quando comparada a outras disponíveis no mercado. Essa cultivar é uma opção para compor os diferentes sistemas de produção, inclusive, o de semeadura direta.

A Fixação Biológica de Nitrogênio (FBN) é outro assunto que será destacado no evento, dando enfoque para a cultura do feijão. A FBN é um processo que ocorre em associações de plantas com microorganismos. Seu principal produto, o nitrogênio, é um nutriente essencial para o crescimento e o desenvolvimento vegetal. O nutriente é capturado do ar e fixado por bactérias chamadas de diazotróficas, encontradas naturalmente em muitos tipos de solos.

No que diz respeito à soja, serão discutidas as cultivares Bt, que expressam uma proteína derivada da bactéria Bacillus thuringiensis, proporcionam excelente proteção contra as principais lagartas que atacam a cultura. Contudo, a longevidade dessa tecnologia depende de sua correta utilização. É importante que os agricultores adotem as chamadas áreas de refúgio estruturado, ou seja, áreas de lavoura que permitirão retardar a evolução de populações de pragas resistentes.

Para a cultura do sorgo, haverá uma mostra de cultivares graníferas, de sorgo sacarino e de sorgo biomassa. As primeiras estão voltadas, por exemplo, à oferta de grãos de baixo custo para a agroindústria de rações. Já o sorgo sacarino pode ser usado para reforçar a produção nacional de etanol e aumentar o período de operação de usinas na entressafra da cana. O chamado sorgo biomassa é pesquisado pela Embrapa e apresenta qualidade para gerar energia com poder calorífico similar ao da cana, do eucalipto e do capim elefante.

No que tange às forrageiras, serão apresentadas as cultivares de feijão guandu, BRS Mandarim, que pode ser utilizada em consórcio com milho e braquiária; Capim Massai BRA 007102, que possui boa resistência ao ataque da cigarrinha das pastagens; Capim BRS Paiaguás, uma opção de braquiária para a diversificação de pastagens em solos de média fertilidade nos cerrados; capim BRS Zuri, que é uma alternativa para a diversificação de pastagens; capim BRS Piatã, que tem boa adaptação para a integração lavoura e pecuária; capim BRS Canará, que apresenta alta produtividade; e BRS Kurumi, que possibilita ao produtor intensificar a produção animal com menor uso de concentrado.

A exposição de tecnologias da Embrapa para o Estado de Goiás possui entrada gratuita. Para mais informações, (62) 3533-2107, e-mail: arroz-e-feijao.eventos@embrapa.br.

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Conteúdos Relacionados à: Notícia
Palavras-chave

 
11/03/2019
Expodireto Cotrijal 2019
Não-Me-Toque - RS
08/04/2019
Tecnoshow Comigo 2019
Rio Verde - GO
09/04/2019
Simpósio Nacional da Agricultura Digital
Piracicaba - SP
29/04/2019
Agrishow 2019
Ribeirão Preto - SP
14/05/2019
AgroBrasília - Feira Internacional dos Cerrados
Brasília - DF
15/05/2019
Expocafé 2019
Três Pontas - MG
16/07/2019
Minas Láctea 2019
Juiz de Fora


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada