dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     09/07/2020            
 
 
    
Agroecologia    
Saberes, Sabores e Sementes Crioulas promoverá painel sobre Plantas Medicinais
Comente esta notícia Envie a um amigo Aponte Erros Imprimir  
Carina Venzo Cavalheiro, Emater/RS-Ascar
31/07/2018

O município gaúcho de Ibarama sedia na próxima semana uma nova edição do Saberes, Sabores e Sementes Crioulas. O evento, que congrega o 17º Dia da Troca das Sementes Crioulas, o 7º Seminário da Agrobiodiversidade Crioula, a 7ª Feira da Economia Popular Solidária, 7º Seminário dos Guardiões Mirins das Sementes Crioulas e Espaço Solidário de Sementes, Mudas e Plantas Bioativas, contará nesta edição com um painel sobre Plantas Bioativas a ser realizado na quinta-feira (09/08), a partir das 9h, no Centro de Eventos Lorena Wendt Dal Ri.

Participam do painel a professora e coordenadora do Curso de Farmácia da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), Chana de Medeiros da Silva, o engenheiro agrônomo e assistente técnico estadual da Emater/RS-Ascar responsável pela área de plantas bioativas, Gervásio Paulus, e o engenheiro agrônomo do Centro de Treinamento de Agricultores de Nova Petrópolis (Cetanp), Arnaldo José Basso. A extensionista social da Emater/RS-Ascar, Letícia Fagundes, explica que as plantas medicinais, aromáticas e condimentares fazem parte do saber popular de todas as famílias há gerações. Contudo, atualmente, muito desse conhecimento se perdeu e, consequentemente, muitas espécies também. "Criou-se um mito de que as plantas não poderiam mais ser usadas na prevenção e cura de doenças. O objetivo da atividade é justamente quebrar esses paradigmas e mostrar para a população que, além de serem utilizadas como tratamentos naturais, com a correta manipulação e identificação, também existe uma legislação que permite o uso da fitoterapia na saúde pública dos municípios, bem como incentivar os gestores a implantá-las e, assim, auxiliar na melhoria da qualidade da saúde da população em geral", ressalta.

No município de Ibarama o trabalho com plantas bioativas é desenvolvido pela Emater/RS-Ascar desde a implantação do Escritório Municipal da Instituição, em meados dos anos 90, com o objetivo de auxiliar as famílias na correta identificação, uso adequado e preservação das espécies. Hoje, o trabalho se tornou destaque dentro do evento Saberes, Sabores e Sementes Crioulas, com um espaço específico para as plantas, aonde cada grupo comunitário de mulheres leva mudas para trocar e doar. Além disso, existe um horto medicinal na Comunidade Evangélica Luterana, realização de excursões para estudo e cursos que tratam sobre as identificações corretas evitando acidentes com plantas tóxicas, usos adequados e elaboração de receitas com os quatorze grupos de mulheres do interior. Ainda é realizada a assistência a 80 hortos domésticos e três hortos escolares com alunos do interior. Em 2017, o trabalho com as plantas bioativas ganhou o edital de patrocínios da Fundação Luterana de Diaconia, de Porto Alegre/RS, e com isso o trabalho ganhou mais destaque no município.

A extensionista salienta que as plantas medicinais têm grande importância na saúde humana e animal e na preservação ambiental. Os princípios ativos encontrados nelas conferem benefícios de cura de diversos problemas de saúde, se identificadas corretamente e ministradas com cuidado, já que podem ser confundidas com plantas tóxicas e a sua má utilização pode não trazer o resultado esperado. Já as plantas condimentares, além de terem princípios ativos, dão gosto e sabor aos alimentos preparados e a harmonia das plantas cultivadas nas propriedades ajuda na preservação e na recuperação da flora e fauna. "O resgate do conhecimento popular milenar traz consigo a valorização do saber do mais idoso, resgata festas típicas das comunidades, as crenças locais, além das saborosas receitas que valorizam os produtos das propriedades rurais", lembra Letícia.

Após a realização do painel, no período da tarde, a partir das 13h30, no Espaço Solidário, será realizada uma oficina sobre elaboração de receitas com plantas medicinais, ministrada pelo extensionista social e instrutor do Centro de Treinamento da Emater/RS-Ascar de Não-Me-Toque, Fernando Missio. Após a oficina, ocorre a troca e doação de mudas de plantas bioativas. O evento Saberes, Sabores e Sementes Crioulas é promovido pela Emater/RS-Ascar, Associação dos Guardiões das Sementes Crioulas de Ibarama, Universidade Federal de Santa Maria e Prefeitura de Ibarama.

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Conteúdos Relacionados à: Notícia
Palavras-chave

 
11/03/2019
Expodireto Cotrijal 2019
Não-Me-Toque - RS
08/04/2019
Tecnoshow Comigo 2019
Rio Verde - GO
09/04/2019
Simpósio Nacional da Agricultura Digital
Piracicaba - SP
29/04/2019
Agrishow 2019
Ribeirão Preto - SP
14/05/2019
AgroBrasília - Feira Internacional dos Cerrados
Brasília - DF
15/05/2019
Expocafé 2019
Três Pontas - MG
16/07/2019
Minas Láctea 2019
Juiz de Fora


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada