dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     13/12/2017            
 
 
    

A Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE), Unidade Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, é um dos 45 centros de pesquisa da Embrapa, e completa em 2010 35 anos de existência. Tem sua sede localizada em Aracaju, Sergipe e conta com cinco campos experimentais e uma Unidade de Execução de Pesquisa em Rio Largo, Alagoas.

Em 1974 a Embrapa instalou uma representação no estado de Sergipe, o que possibilitou a criação, em 13 de junho de 1975, da Unidade de Execução de Pesquisa de Âmbito Estadual de Quissamã – UEPAE, com sua sede localizada no município de São Cristovão. Posteriormente, em 1978, a sede da unidade foi transferida para Aracaju. Inicialmente eram realizadas pesquisas com coco, mandioca, milho, feijão e pecuária de corte e de leite. Por liderar no Brasil as pesquisas com a cultura do coco, em 1985 a Unidade foi transformada no Centro Nacional de Pesquisa de Coco. Em 1993, como consequência de um processo de planejamento estratégico pelo qual a Embrapa passou, a Unidade incorpora novas demandas e desafios e passa a ter um mandato territorial para a região dos tabuleiros costeiros da região Nordeste.

A área de atuação da Embrapa Tabuleiros Costeiros atinge os estados da Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará, e foi definida tomando-se por base o Zoneamento Agroecológico do Nordeste realizado pela Embrapa.

A região dos Tabuleiros Costeiros, segundo o Zoneamento, é uma das 20 Unidades de Paisagem da região Nordeste. Compreende platôs próximos ao litoral, com altitude média de 50 a 100 metros. De modo geral, os solos são profundos e de baixa fertilidade natural. Considerando também a Baixada Litorânea (outra Unidade de Paisagem), que acompanha a orla marítima, (onde estão incluídas restingas, dunas e mangues), a Unidade tem uma área de atuação de aproximadamente 10 milhões de hectares. Esta região apresenta precipitação anual média oscilando entre 500mm e 1500mm, com temperaturas anuais médias em torno de 26ºC.

A Embrapa Tabuleiros Costeiros tem como visão ser um dos líderes regionais na geração de conhecimento, tecnologia e inovação para o desenvolvimento sustentável dos agroecossistemas nos tabuleiros costeiros. Para isso, persegue a missão de viabilizar soluções de pesquisa, desenvolvimento e inovação para a sustentabilidade da agricultura nos tabuleiros costeiros em benefício da sociedade brasileira.

Nestes 35 anos o País se tornou auto-suficiente em alimentos. Devido à geração de cultivares adaptadas às diversas condições ecológicas do País, aos zoneamentos agroecológicos e de risco climático e a sistemas de produção de alta produtividade, entre outras tecnologias, produtos e serviços, o Brasil tornou-se um dos principais exportadores mundiais de produtos agrícolas e líder na tecnologia de agricultura do mundo tropical. Esses resultados foram possíveis por conta da estruturação de um Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária formado pelas Organizações Estaduais de Pesquisa, Universidades e Embrapa. Recentemente o Brasil se transformou na principal potência na produção mundial de biocombustíveis. A Embrapa Tabuleiros Costeiros tem participação nessa história.

Atualmente, a Unidade conta com 195 colaboradores altamente capacitados. A missão da Unidade vem sendo cumprida por meio de redes de pesquisa e de transferência de conhecimentos e fortes parcerias. As demandas atuais são complexas e nenhuma instituição sozinha pode atendê-las isoladamente. A contribuição da pesquisa e da extensão rural se materializa, também, no lançamento e difusão de cultivares adaptadas às reais demandas dos agricultores e do mercado.

Recentemente o Plano de Fortalecimento e Crescimento da Embrapa (PAC Embrapa) permitiu a recuperação da infra-estrutura e a construção de um consistente conjunto de obras e aquisição de equipamentos que dão suporte às ações de pesquisa, desenvolvimento e transferência de tecnologia.

O sucesso alcançado durante a história da Unidade só foi possível graças à participação dedicada de seus colaboradores, alguns dos quais já se encontram aposentados após uma vida de trabalho construindo a Embrapa. Participação de destaque também para os membros do Comitê Assessor Externo da Unidade (CAE), que muito tem colaborado nos processos de planejamento, acompanhamento e avaliação das ações da Unidade.

A Embrapa Tabuleiros Costeiros é hoje, ao completar 35 anos, uma instituição de Ciência e Tecnologia madura que apresenta tecnologias produtos e serviços para a inovação e a busca do desenvolvimento sustentável da agricultura, dos agricultores familiares, assentados da reforma agrária e comunidades tradicionais, a segurança alimentar, a saúde da população, o uso sustentável dos biomas e o avanço da fronteira do conhecimento científico e tecnológico em benefício da sociedade.

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Conteúdos Relacionados à: PE
Palavras-chave

 
22/11/2017
Curso de Metodologias para Determinação da atividade microbiana do Solo
Londrina - PR
14/03/2018
V Simpósio de Produção Animal e Recursos Hídricos - V SPARH
São Carlos - SP

21/11/2017
Curso de processamento de mandioca
Cruz das Almas - BA

 
 
Palavra-chave
Busca Avançada