dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     23/07/2019            
 
 
    
Aves  
Aproveitamento de resíduos na avicultura
Biodigestão anaeróbia é a solução para a diluição das camas de frango
Ouça a entrevista Comente esta notícia Envie a um amigo Aponte Erros Imprimir Ficha
Breno Fonseca
23/10/2009

Para a retirada dos dejetos nos galpões de criação de aves de corte é utilizada a cama de frango, constituída por serragem, maravalha, casca de café ou palha de arroz. Os materiais vegetais secos têm característica de boa absorção de umidade e nutrientes e melhoria na eliminação da amônia no ar, o que favorece a proteção e o crescimento dos animais. O tratamento das camas de frango com a técnica da biodigestão anaeróbia é justamente o objetivo do estudo “Reuso da fração líquida do processo de biodigestão anaeróbia de cama de frango”, da pesquisadora Karolina Von Zuben Augusto, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

A coleta é feita em granjas e a cama é diluída com água, abastecendo biodigestores da universidade. Karolina explica que, após o processo de biodigestão anaeróbia, o material é conduzido para uma fase de pós-tratamento, que inclui a separação de sólido-líquido em tanques de sedimentação e caixas de acumulação (sistema wetland). Isso faz com que o uso da fração líquida desse tratamento para dissolvimento de novas camas de frango seja uma alternativa para a diminuição de custos e a economia de água limpa para os avicultores.

Sistema convencional de gaiolas semissobrepostas: dejetos perdem nutrientes e líquido

Nas criações de frango de corte, as aves são alojadas em um mesmo galpão e seus dejetos conferem umidade para o piso do ambiente e acabam produzindo amônia, o que se torna prejudicial ao bem estar e ao ganho de peso dos animais. A responsável pelo trabalho destaca que a cama de frango possui um manejo específico ao ser retirada dos galpões, para receber um tratamento adequado e, posteriormente, ser disposta na agricultura.

Os resultados da pesquisa ainda estão em fase preliminar, com sucesso na produção de biogás quando utilizada a fração líquida separada para diluição das camas. Apesar de ainda não terem sido diagnosticados os tipos de gases constituintes da massa de biogás produzida, Karolina acredita que as informações sobre biodigestão anaeróbia da cama de frango facilitarão produções mais eficientes.

Clique aqui, ouça a íntegra da entrevista concedida com exclusividade ao Jornal Dia de Campo e saiba mais detalhes da tecnologia.
Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Conteúdos Relacionados à: Avicultura
Palavras-chave

 
11/03/2019
Expodireto Cotrijal 2019
Não-Me-Toque - RS
08/04/2019
Tecnoshow Comigo 2019
Rio Verde - GO
09/04/2019
Simpósio Nacional da Agricultura Digital
Piracicaba - SP
29/04/2019
Agrishow 2019
Ribeirão Preto - SP
14/05/2019
AgroBrasília - Feira Internacional dos Cerrados
Brasília - DF
15/05/2019
Expocafé 2019
Três Pontas - MG
16/07/2019
Minas Láctea 2019
Juiz de Fora


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada