dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     24/05/2024            
 
 
    
Sanidade Vegetal      
Livro sobre pragas introduzidas no Brasil será lançado na Esalq
Publicação é dividida em 5 partes: defesa fitossanitária, fruticultura e plantas ornamentais, horticultura e plantas forrageiras, grandes culturas e florestas
Comente esta notícia Envie a um amigo Aponte Erros Imprimir  
Cristina Tordin, Embrapa Meio Ambiente
06/08/2015

O livro Pragas introduzidas no Brasil: insetos e ácaros, editado por Evaldo Vilela Filho e Roberto Antonio Zucchi, da Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz (Fealq), contou com a participação de 127 pesquisadores de 66 instituições do Brasil e do exterior. São 55 capítulos e mais de 200 fotografias em cores.

É dividido em 5 partes – defesa fitossanitária, fruticultura e plantas ornamentais, horticultura e plantas forrageiras, grandes culturas e florestas. O capítulo 54 – Psilídeo-de-concha-do eucalipto, Glycaspis brimblecombei Moore e o capítulo 55 - Percevejo-bronzeado-do-eucalipto, Thaumastocoris peregrinus Carpinteiro & Dellapé tem a participação de Luiz Nogueira de Sá, pesquisador da Embrapa Meio Ambiente (Jaguariúna, SP).

Altas concentrações do psilídeo de concha causam descoloração das folhas, redução da área fotossintética das plantas, diminuição do crescimento e secamento dos ponteiros em árvores de eucalipto, podendo levar as árvores à morte. Há várias espécies de inimigos naturais ao psilídeo-de-concha, como a vespinha exótica importada do México, Psyllaephagus bliteus; e de outro bioagente o percevejo predador Atopozelus opsimus.

O capítulo 55 aborda o percevejo bronzeado do eucalipto, inseto que vem atraindo a atenção do setor florestal mundial, devido à rapidez com que tem se disseminado e à importância dos danos ocasionados em plantios de eucalipto nos diferentes países onde foi introduzido. Os sintomas de ataque variam muito conforme a espécie, o clone e os híbridos. As folhas apresentam coloração prateada ou levemente bronzeada. A principal estratégia de controle é o biológico. Para esta praga exótico de hortos de eucalipto foi importado da África do Sul, uma vespinha específica exótica denominada Cleruchoides noackae (Hymenoptera: Mymaridae) para o controle biológico do T. peregrinus no país.

O livro será lançado em 13 de agosto de 2015, no Departamento de Entomologia e Acarologia da Esalq/USP. O preço promocional no lançamento será de R$ 120,00.

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
Ainda não existem comentários para esta matéria.
Para comentar
esta matéria
clique aqui
sem comentários

Conteúdos Relacionados à: Publicações
Palavras-chave

 
11/03/2019
Expodireto Cotrijal 2019
Não-Me-Toque - RS
08/04/2019
Tecnoshow Comigo 2019
Rio Verde - GO
09/04/2019
Simpósio Nacional da Agricultura Digital
Piracicaba - SP
29/04/2019
Agrishow 2019
Ribeirão Preto - SP
14/05/2019
AgroBrasília - Feira Internacional dos Cerrados
Brasília - DF
15/05/2019
Expocafé 2019
Três Pontas - MG
16/07/2019
Minas Láctea 2019
Juiz de Fora


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada