dia de campo

a
Esqueceu a senha?
Quero me cadastrar
     27/04/2017            
 
 
    

Manter o registro do rebanho e seu desempenho (ganho de peso, reprodução, mortalidade, medicamentos, alimentação) ajuda a aumentar a eficiência da atividade, controlar o manejo e identificar os pontos críticos a serem controlados.

Quanto mais cedo a identificação começar, melhor. Além disso, cada animal deve ter seu próprio código. Isso parece simples, mas a equipe deve estar treinada para fazer o manejo no local correto e com bons equipamentos, sem estresse nem sofrimento desnecessário aos animais.

A identificação não pode ser um processo feito às pressas. É necessário planejar a ação, para que a marca – seja feita por tatuagem, brinco ou a fogo – seja duradoura. A equipe deve ter tarefas delegadas – conter, fazer a marcação, cuidar do material –, para que o manejo seja o mais racional possível. A pressa pode borrar a marca, rasgar a orelha ou deixar o brinco cair.

É preciso ter um cuidado dobrado com o material usado. Agulhas tortas usadas na tatuagem podem inviabilizar o trabalho, e equipamentos contaminados, ou manejo sem cuidados sanitários, podem provocar bicheira no animal.

No manejo de identificação, o gado deve estar sempre contido. Bezerros recém-nascidos podem ser contidos no pasto, por duas pessoas, mas animais maiores devem sempre ser manejados no tronco de contenção.

BRINCO

Na aplicação do brinco ou da tatuagem, a pescoceira deve ser posicionada o mais próximo da cabeça do animal. Se o tronco tiver apenas uma pescoceira, um segundo vaqueiro pode auxiliar na contenção, segurando a cabeça da rês com as mãos ou com um cabresto. Se tiver duas, ambas as peças devem ser usadas ao mesmo tempo.

É importante também atentar para o local da fixação do brinco, que interfere diretamente na agilidade da leitura durante o manejo. (veja mais no artigo publicado em: http://www.diadecampo.com.br/zpublisher/materias/Materia.asp?id=21138&secao=Manejo)

MARCA A FOGO

Renato dos Santos, médico veterinário e consultor da Beckhauser Tronco e Balanças dá as dicas para se conseguir uma boa marca: é preciso ter equipamento apropriado e pessoas com habilidade para evitar ferimentos.

Um bom ferro de marcar ou jogo de números deve ser construído em aço inox, por ser um material leve, durável, que não distorce e possibilita marcas sempre perfeitas. Os ferros de marcar devem ter 8cm para animais adultos, 6cm para recria (desmama) e 4cm para bezerros. As medidas 8, 6 e 4 correspondem ao diâmetro do círculo que contém a marca ou o número. A espessura do ferro (parte que toca no couro do animal) deve ser de 4mm.

A marcação a fogo precisa ser feita com o animal bem imobilizado, tanto com pescoceira quanto com a contenção do posterior. Um segundo vaqueiro pode melhorar a contenção dobrando a cauda do animal para cima e para frente, formando um arco – manejo conhecido por anestesia baiana. Esse procedimento insensibiliza superficialmente a região do posterior onde será feita a marca e evita que o animal sinta dor e que se movimente. Deve-se ter cuidado para não forçar demais, causando dor ao animal, em vez de alívio.

Para que a marca fique bem feita, o ferro deve estar bem quente (incandescente). Em três segundos de contato com o couro, sem pressão, deve-se obter uma queimadura superficial, sem queimar internamente, nem fazer feridas. Para finalizar, passe óleo queimado no local da queimadura. É uma técnica que destaca a marca e evita infecção ou a formação de casca.

O Grupo ETCO, da Unesp (Jaboticabal, SP) editou um manual sobre o tema “identificação” na série Boas Práticas de Manejo, que tem mais informações sobre forma correta de aplicar cada tipo de identificação. Para fazer dowload gratuito do manual, acesse: http://www.beckhauser.com.br/dicas_manuais.php.


 
Contenção correta para uma marca com qualidade e com segurança para o homem e para o animal
 
 

 

Aviso Legal
Para fins comerciais e/ou profissionais, em sendo citados os devidos créditos de autoria do material e do Jornal Dia de Campo como fonte original, com remissão para o site do veículo: www.diadecampo.com.br, não há objeção à reprodução total ou parcial de nossos conteúdos em qualquer tipo de mídia. A não observância integral desses critérios, todavia, implica na violação de direitos autorais, conforme Lei Nº 9610, de 19 de fevereiro de 1998, incorrendo em danos morais aos autores.
mauricio elias
02/07/2015 - 18:50
alguém sabe me dizer qual o método mais usado no brasil, brincos tatuagens ou marca de fogo ?

Para comentar
esta matéria
clique aqui
1 comentário

Manejo - Artigos já Publicados

Guilherme Alves Pires Ferreira - AgroPlan UFV
Expansão da área cultivada com cana-de-açúcar na região do Triangulo Mineiro
26/07/2012

Leonardo Volpato - AgroPlan/UFV
Boas práticas de manejo aumentam a qualidade do café
28/06/2012

Beckhauser
A importância do manejo e da contenção para sucesso reprodutivo
01/03/2012

Beckhauser
É hora de planejar a alimentação do gado na seca
29/11/2011

AgroPlan-UFV
Manejo integrado de plantas daninhas em lavoura de café
27/10/2011

AgroPlan-UFV
Integração Lavoura - Pecuária e Floresta protege o meio ambiente e diversifica a produção
29/09/2011

Beckhauser Troncos e Balanças
“Abate humanitário”: exigência que virá do consumidor
06/09/2011

AgroPlan-UFV
Utilização de milho safrinha após geada, para silagem
04/08/2011

Beckhauser Troncos e Balanças
Escolha a agulha certa
02/06/2011

Toledo do Brasil
Balança de caminhão reduz custos logísticos
10/05/2011

AgroPlan-UFV
Colheita de sementes de brachiaria por varredura
05/05/2011

Beckhauser Troncos e Balanças
Ganhando peso na desmama
26/04/2011

Beckhauser Troncos e Balanças
Transporte racional
17/03/2011

Beckhauser
Castração depende do manejo
22/02/2011

Coimma Balanças e Troncos de Contenção
Automação do manejo: caminho sem volta
13/01/2011

Beckhauser Troncos e Balanças
Reatividade na seleção do rebanho: comportamento influencia produtividade e qualidade da carne
26/11/2010

Toledo do Brasil
Gerenciador de pesagem é a bola da vez
11/11/2010

Beckhauser
Manejo correto começa cedo
21/10/2010

Beckhauser Troncos e Balanças
Tecnologia garante rentabilidade ao negócio
22/09/2010

Bayer CropScience
Manejo de poda na cultura do café
09/09/2010

Beckhauser
Bem-estar no bolso
03/08/2010

CRV Lagoa
Marcadores genéticos, seleção genômica e outras tecnologias
06/07/2010

Beckhauser
Condução do rebanho
01/07/2010

Beckhauser
Para o gado não perder peso no curral
24/05/2010

CRV Lagoa
Estratégias para aumentar o número de vacas prenhas na fazenda
29/04/2010

Toledo do Brasil
Dica: bê-a-bá da balança rodoviária
22/04/2010

CRV Lagoa
É preciso estar sempre de olho nos índices zootécnicos
31/03/2010

Beckhauser Troncos e Balanças
Em dia com a balança
26/03/2010

Toledo do Brasil
Balança portátil realiza análise de produtividade
17/03/2010

Beckhauser
Dicas de manejo com bezerros
09/03/2010

CRV Lagoa
Melhoramento Genético para aumento de proteína no leite
27/02/2010

Toledo do Brasil
Sistema automatiza a pesagem de big bags
06/02/2010

Beckhauser Troncos e Balanças
Local de fixação do brinco pode agilizar a identificação do animal
01/02/2010

Coimma
Qualidade da carne começa na base da cadeia produtiva
26/01/2010

CRV Lagoa
Manejo reprodutivo de primíparas
20/01/2010

Beckhauser
Controle remoto no curral
12/01/2010

Beckhauser Troncos e Balanças
Tronco de contenção reduz acidentes no manejo de bezerros
22/12/2009

Beckhauser Troncos e Balanças
Eficácia da vacinação depende de manejo adequado
29/10/2009

Toledo do Brasil
Nova geração de balanças proporciona rastreabilidade
29/10/2009

CRV Lagoa
Análise de DNA permite grande salto no melhoramento genético de bovinos leiteiros
21/10/2009

Embrapa
Gerenciamento de resíduos de laboratório e de campos experimentais da Embrapa Pecuária Sudeste
01/09/2009

Conteúdos Relacionados à: Manejo
Palavras-chave

 
18/04/2017
IV Congresso Brasileiro de Bioética e Bem-estar Animal
Porto Alegre - RS
01/05/2017
Agrishow 2017
Ribeirão Preto - SP
16/05/2017
AgroBrasília 2017
Brasília - DF
29/08/2017
11º Congresso Brasileiro do Algodão
Maceió - AL


 
 
Palavra-chave
Busca Avançada